"Manter o corpo em boa forma é dever de todos. Corpo saudável... Pensamentos Saudáveis."

A obesidade e as funções reprodutivas masculinas!


14/10/2013 - 23:00:00 | 591
A obesidade aumenta o risco de doença do coração, diabetes, hipertensão, acidente vascular cerebral, osteoartrite e alguns tipos de câncer, como do cólon e da mama. Além de tudo isso, a obesidade também pode causar a infertilidade.
 
 
A obesidade definitivamente causa uma baixa contagem de espermatozoides e também a redução da motilidade em muitos estudos. Isto leva a infertilidade masculina devido à obesidade. Estudos têm mostrado que para cada aumento de três pontos no IMC de um homem, eles podem ser 10% mais susceptíveis de serem inférteis.
 
 
Além disso, as elevadas temperaturas dos testículos são ligadas a baixa contagem de esperma. A obesidade está ligada a uma hipertrofia benigna da próstata comum nos homens idosos. 
 
 
Homens com cintura de 43 polegadas ou maiores foram encontrados para ser 2,4 vezes mais propensos a precisar de uma cirurgia para a hiperplasia benigna da próstata do que os homens com cinturas menores do que 35 polegadas.
 
 
Distúrbios hormonais e baixos níveis de testosterona são responsáveis por apenas 3% dos casos de disfunção erétil. Mas, mesmo com níveis normais de testosterona, os homens obesos têm maior risco de disfunção erétil.
 
 
Estudos têm relacionado a obesidade abdominal à disfunção erétil, especialmente em homens mais velhos. Especialistas sugerem que ter um IMC de 28 aumenta os riscos de um homem de desenvolver disfunção erétil em 90%.
 
 
A perda de peso, por outro lado, está relacionada com a melhoria dos sintomas. A obesidade em homens também está diretamente ligada à baixa frequência de relações sexuais. Alguns medicamentos naturais podem ajudar neste sentido.
 
 
O tribulus terrestris, também popular como videira da punctura, é uma erva trepadeira vinda de regiões tropicais.  O tribulus terrestris foi utilizado na Europa e na Índia como estimulante sexual por diversos séculos, já que causava uma ampliação do impulso e do desempenho sexual. 
 
 
Um estudo confirmou que além de aumentar significativamente a testosterona nos homens, a Tribulus Terrestris reforça a ereção, faz com que haja rápida recuperação após atividade sexual, reduz o colesterol e aumenta o desejo sexual. Nas mulheres houve uma concentração de hormônios, melhoria na função reprodutora, fertilidade e aumento de libido.