"Manter o corpo em boa forma é dever de todos. Corpo saudável... Pensamentos Saudáveis."

Ômega 3 para alcançar a longevidade


18/05/2014 - 23:00:00 | 651

 

 

Pesquisa revela que o consumo de ácidos graxos aumenta a expectativa de vida

 
 
Estudo divulgado recentemente pela Faculdade de Saúde Pública da Universidade de Harvard afirma que idosos com mais de 65 anos que tem o hábito de comer peixes e alimentos ricos em ômega 3, possuem menor risco de morrer de doenças cardiovasculares, assim como qualquer outra doença, pois a substância é capaz de aumentar a expectativa de vida.
 
Os pesquisadores ressaltam que o ômega 3 já foi avaliado como benéfico em diversas áreas da saúde humana, contudo é a primeira vez que é relacionado om o aumento de expectativa de vida.
 
Resultados da pesquisa
 
 
Os autores avaliaram cerca de 2. 700 americanos idosos com mais de 65 anos. Nenhum dos participantes faziam a ingestão de suplementos ricos na vitamina. Os integrantes que tiveram maiores níveis de ácidos graxos e ômega 3 no organismo apresentaram menor risco de 27% de morrer por qualquer tipo de doença, ao ser comparados com os demais participantes que ingeriram pouco da vitamina.
 
Existem três ácidos graxos específicos que foram cruciais para estes resultados: ácidos decosa-hexaenoico, eicosapentaenoico e decosapentaenoico, foram os principais associados ao risco menor de mortalidade.

 
Campeão no combate a doenças cardiovasculares
 
Além de aumentar a expectativa de vida, o ômega 3 possui como principal função combater doenças cardiovasculares. Os ácidos graxos são ricos em propriedades anti-inflamatórias, antitrombóticas e antirreumáticas, responsáveis por reduzir a concentração de gorduras no sangue.
 
O ômega 3 evita a formação de placas de gorduras nas paredes das artérias, facilitando a movimentação dos vasos sanguíneos e combatendo diversas doenças, como o derrame, infarto e hipertensão.
 
Grande aliado para a saúde, os peixes são alimentos que não podem faltar no cardápio de quem deseja alcançar a longevidade. Especialistas afirmam que além de prevenir contra doenças cardiovasculares o consumo de ômega 3 também estimula o bom funcionamento das funções cerebrais.