"Manter o corpo em boa forma é dever de todos. Corpo saudável... Pensamentos Saudáveis."

Axilas e virilhas escurecidas: ácidos e laser podem resolver


08/05/2016 - 13:15:29 | 494

 

SAIBA POR QUE ESSAS REGIÕES ESCURECEM E QUAIS OS POSSÍVEIS TRATAMENTOS

 

Muitas pessoas, principalmente o público feminino se incomodam com as manchas escurecidas nas regiões da virilha e axilas. 

A farmacêutica e especialista em farmácia magistral, Kaline Braga, conta que a cada momento surgem novos ativos e protocolos novos (procedimentos) para diversos distúrbios estéticos, alergias e outros problemas de pele. O problema das manchas é o que mais costuma incomodar as pessoas:

 

“Tratar manchas é uma guerra como é o caso do melasma, mas outros problemas também costumam incomodar como é o caso das áreas escurecidas na virilha e axilas, que são problemas que geralmente são tratados e retornam”.

 

A matéria Escurecimento da virilha: conheça as causas e saiba como tratar, explica que o que causa o escurecimento da região da virilha é o atrito e o fato de ser uma região de dobra do corpo, que coloca em contato pele com pele. O que também ocorre com a região das axilas.

A especialista esclarece que até mesmo o atrito com tecidos pode ocasionar no escurecimento dessas regiões, a pele se torna mais irritada e mais espessa e isso gera a hiperpigmentação: “É um fenômeno natural, raramente não se tem o escurecimento das axilas e virilha. Aproximadamente 90% das mulheres ou até mesmo de homens apresentam esse escurecimento por conta do atrito”.

A profissional acrescenta que além dos fatores já mencionados, essas regiões podem vir a escurecer devido à utilização de produtos com álcool na formulação e por se tratar de áreas mais sensível, em longo prazo o escurecimento pode piorar:

 

“A depilação também é um fator que pode ocasionar o escurecimento da pele, principalmente depilação com lâmina. Quem usa lâmina praticamente diariamente no caso de virilha, axila, não tem como prevenir o escurecimento”.

 

De acordo com o estudo Cosméticos: a química da beleza, o pH da pele é levemente ácido, mas é maior onde existe transpiração como é o caso das axilas, virilha e entre os dedos dos pés e, isso ocorre devido à secreção de sais. Por isso, o pH dos desodorantes é o mais alto dentre todos os cosméticos, chegando aproximadamente a 7.0., mas garantir a capacidade de proteção contra o suor e mau cheiro, na maioria dos casos, pode levar ao escurecimento da pele.

 

QUAIS AS SOLUÇÕES PARA OS CLAREAMENTOS DESSAS REGIÕES?

 

A profissional esclarece que hoje no mercado existem muitos produtos chamados de clareadores ou despigmentantes e o uso contínuo obviamente produz clareamento. E fora as técnicas que podem ser aplicadas em cabine (dentro da clínica) ou até mesmo em casa, há também procedimentos avançados como os tratamentos a laser:

 

“A primeira etapa em caso da técnica de clareamento é a aplicação do produto e em seguida se não há o efeito desejado pode-se aplicar o laser para realmente ter um resultado na melhora desse problema”.

 

A farmacêutica ressalta que não é apenas o despigmentante que fará o efeito, mas que é importante pensar no que será feito durante e depois do tratamento:

 

“É importante que os estudantes e profissionais aprendam e se qualifiquem sobre os produtos e tratamentos. Avaliar o fototipo de pele do paciente é fundamental, há despigmentantes que não podem ser utilizados na pele morena e na realidade, essas manchas em axilas e virilha são mais recorrentes em pele morena”.

 

A especialista explica que há peelings que podem ser aplicados desde peles claras até peles morenas claras. Primeiro se faz a assepsia dessa pele e não se pode utilizar qualquer sabonete, deve ser manipulado ou industrializado, mas de acordo com a indicação do profissional. Geralmente os sabonetes costumam ser à base de ácido glicólico, de ácido lactobiônico ou de ácido gluconolactona, que são ativos que além de fazer a limpeza da pele já retiram a camada morta, porque o peeling tem de penetrar profundamente e quanto mais profundo mais efeitos haverá.

 

“Após a limpeza, é importante fazer a esfoliação da pele com um esfoliante manipulado ou industrializado (de qualidade), a esfoliação garante a penetração profunda do ativo. Depois da esfoliação abrasiva o peeling é aplicado, pode ser em forma de creme, de gel ou até mesmo líquida, que é a forma que costumo trabalhar porque considero mais fácil de manipular”.

 

Segundo a profissional, o procedimento de aplicação de ácidos pode ser feito uma vez por semana e geralmente são recomendadas de quatro a seis sessões, dependendo do caso de casa paciente. Logo após o procedimento na região da virilha, costuma ser indicado que se utilizem roupas de tecidos leves, que causem o menor atrito possível nas regiões sensibilizadas.

Se o escurecimento dessas áreas do corpo tem incomodado, procurar um profissional habilitado e uma clinica de estética de confiança pode ser a solução.

 

Dra Kaline Braga - farmacêutica e especialista em Farmácia Magistral

 

Fontes 

CONASEF – Congresso Nacional de Saúde e Estética Funcional

Escurecimento da virilha: conheça as causas e saiba como tratar. Dicas de mulher: www.dicasdemulher.com.br/escurecimento-da-virilha-conheca-as-causas-e-saiba-como-evitar

GALEMBECK, Fernando; CSORDAS, Yara. Cosméticos: a química da beleza.