"Manter o corpo em boa forma é dever de todos. Corpo saudável... Pensamentos Saudáveis."

Campanha para promover boas vindas


13/12/2016 - 00:03:44 | 248


Percebendo sinais de divisão e medo nas pessoas nas semanas que vieram depois da votação do Brexit em Londres, uma mulher criou um plano para impedir que a sociedade se afunde na intolerância. Voltando a um símbolo tradicional de boas-vindas ela criou uma ação de guerrilha nas ruas de Londres. Ela é cidadã americana e britânica, dupla cidadania, e filha de imigrantes venezuelanos. Ao longo do ano passado ela chorou assistindo cenas do seu paíse de origem. Mas naquela hora, ela também aprendeu uma lição importante: não basta esperar que outra pessoa conserte o que está quebrado. Este planeta é o lar de todos nós, e cabe a cada um de nós assumir responsabilidade e ação, para mantê-lo unida. Não podemos deixar a sociedade afundar em divisões e intolerância.

Então ela decidiu fazer algo para ajudar as pessoas a se sentirem bem-vindas, onde quer que estejam. Decidiu lançar uma campanha de guerrilha pela bondade, tolerância e compreensão. O que ela chamou de um pensamento de boas-vindas. Chamou um grupo de amigos e colaboradores designers, artistas e empresários, e no dia após a eleição dos EUA colocaram centenas de cartões em alguns lugares de Londres, cada um com uma simples mensagem: "Um lugar para ..." "Seja bem vindo. Este cartão é para fazer você se sentor em casa. Este lugar, esta cidade, este país pertence a você."

Todos, vocês, imigrantes, muçulmanos, amantes de gato. O cartão pode ser dirigido a qualquer pessoa, por qualquer pessoa.

É um convite. Afinal, cartões de lugar são tradicionalmente um símbolo de boas-vindas. Estes enviam uma mensagem pública que todos, de qualquer raça, credo ou cor, pertencem aqui. E dão às pessoas uma maneira fácil de ajudar os outros a se sentirem mais em casa também em bares locais, em transportes públicos, em qualquer lugar que possa ser mais acolhedor. Tudo o que alguém precisa para participar é uma folha de papel, uma impressora, e este modelo simples para fazer o seu próprio cartão de lugar, preenchê-lo, e colocá-lo onde quer que deseje.

Começou como um projeto pequeno e humilde, mas está ganhando impulso. Em poucos dias, pessoas de todo o Reino Unido, EUA, Canadá, Alemanha, Grécia e Zâmbia entraram em contato para se envolver. Está se espalhando nas mídias sociais. Depois de deixar furtivamente alguns em cafés e lojas, ela se sentou perto para apenas assistir as pessoas sorrirem ou ficarem contente, compartilhar com seu vizinho ou dobrá-las de volta e deixá-las em outra mesa. Um deles foi deixado no portão da casa de Boris Johnson como um lembrete que este lugar é para Todos.

Ela sabe o que é sentir-se mal recebida, mas felizmente não se sente assim. Minha esperança é que o que começou como centenas de boas vindas em uma cidade se transforme em milhares em todo o mundo e que um sentimento acolhedor se espalhe por Londres e muito além. Porque para construir um futuro melhor juntos, todos nós precisamos sentir que estamos acolhidos.