Televendas & SAC (11)4224-4550 ou (11)93802-7841


Percebendo sinais de divisão e medo nas pessoas nas semanas que vieram depois da votação do Brexit em Londres, uma mulher criou um plano para impedir que a sociedade se afunde na intolerância. Voltando a um símbolo tradicional de boas-vindas ela criou uma ação de guerrilha nas ruas de Londres. Ela é cidadã americana e britânica, dupla cidadania, e filha de imigrantes venezuelanos. Ao longo do ano passado ela chorou assistindo cenas do seu paíse de origem. Mas naquela hora, ela também aprendeu uma lição importante: não basta esperar que outra pessoa conserte o que está quebrado. Este planeta é o lar de todos nós, e cabe a cada um de nós assumir responsabilidade e ação, para mantê-lo unida. Não podemos deixar a sociedade afundar em divisões e intolerância.

Então ela decidiu fazer algo para ajudar as pessoas a se sentirem bem-vindas, onde quer que estejam. Decidiu lançar uma campanha de guerrilha pela bondade, tolerância e compreensão. O que ela chamou de um pensamento de boas-vindas. Chamou um grupo de amigos e colaboradores designers, artistas e empresários, e no dia após a eleição dos EUA colocaram centenas de cartões em alguns lugares de Londres, cada um com uma simples mensagem: "Um lugar para ..." "Seja bem vindo. Este cartão é para fazer você se sentor em casa. Este lugar, esta cidade, este país pertence a você."

Todos, vocês, imigrantes, muçulmanos, amantes de gato. O cartão pode ser dirigido a qualquer pessoa, por qualquer pessoa.

É um convite. Afinal, cartões de lugar são tradicionalmente um símbolo de boas-vindas. Estes enviam uma mensagem pública que todos, de qualquer raça, credo ou cor, pertencem aqui. E dão às pessoas uma maneira fácil de ajudar os outros a se sentirem mais em casa também em bares locais, em transportes públicos, em qualquer lugar que possa ser mais acolhedor. Tudo o que alguém precisa para participar é uma folha de papel, uma impressora, e este modelo simples para fazer o seu próprio cartão de lugar, preenchê-lo, e colocá-lo onde quer que deseje.

Começou como um projeto pequeno e humilde, mas está ganhando impulso. Em poucos dias, pessoas de todo o Reino Unido, EUA, Canadá, Alemanha, Grécia e Zâmbia entraram em contato para se envolver. Está se espalhando nas mídias sociais. Depois de deixar furtivamente alguns em cafés e lojas, ela se sentou perto para apenas assistir as pessoas sorrirem ou ficarem contente, compartilhar com seu vizinho ou dobrá-las de volta e deixá-las em outra mesa. Um deles foi deixado no portão da casa de Boris Johnson como um lembrete que este lugar é para Todos.

Ela sabe o que é sentir-se mal recebida, mas felizmente não se sente assim. Minha esperança é que o que começou como centenas de boas vindas em uma cidade se transforme em milhares em todo o mundo e que um sentimento acolhedor se espalhe por Londres e muito além. Porque para construir um futuro melhor juntos, todos nós precisamos sentir que estamos acolhidos.

 

Por que agora é o tempo para ser seriamente otimista?
Depois de uma avalanche de denúncias sobre corrupções e desonestitade talvez nos perguntamos como é possível se manter positivo diante de tantas notíc...
Homem envia e-mail verdadeiramente honesto para toda a empresa momentos antes da aposentadoria
Se você já sonhou em dizer aos seus patrões exatamente o que você pensa deles, você não está sozinho. Um aposentado nos EUA tornou-se um herói para o...
Online Farma
Lorem ipsum dolor sit amet, justo aliquid reformidans ea vel, vim porro dictas et, ut elit partem invidunt vis. Saepe melius complectitur eum ea. Zril delenit vis ut. His suavitate rationibus in, tale discere ceteros eu nec. Vel ut utamur laoreet vituperata, in discere contentiones definitionem ius.
read more ⟶
Leave a comment
Note: HTML is not translated!