"Manter o corpo em boa forma é dever de todos. Corpo saudável... Pensamentos Saudáveis."

Conheça as diferentes técnicas de massagem


04/11/2012 - 23:00:00 | 573

Já faz algum tempo que a massagem deixou o posto de “artigo de luxo'. Hoje, diversas clínicas estéticas disponibilizam pacotes em spas a preços acessíveis.

O termo “massagem” é de origem francesa – massage – e foi inspirado na produção das massas de pães e nos movimentos feitos com as mãos pelos padeiros em sua confecção. Ao massagear a pele, produzimos estimulações nervosas que explicam a grande parte de suas ações. Parte desses estímulos causam uma redução no tônus muscular, o que por si só explica a sensação de bem-estar e relaxamento.

A ciência têm demonstrado que a massagem proporciona inúmeros benefícios à saúde, desde o auxílio no tratamento de doenças até a melhora dos tecidos e músculos do corpo.  Basta escolher a modalidade mais adequada à suas necessidades. Confira algumas:

Massagem Tailandesa-- Utiliza os mesmos movimentos da yoga. Os alongamentos direcionados pelo terapeuta visam o combate ao estresse,  por meio de exercícios para desacelerar a frequência cardíaca e a respiração. A cabeça e o pescoço são as regiões mais trabalhadas. Não é indicada para pessoas com problemas cardíacos, varizes, infecções de pele ou que passaram por cirurgia recente.

Modeladora-- Ao contrário do que alguns acreditam, esta massagem não “quebra gordura”, apenas estimula o tecido adiposo e a pele a redistribuir a gordura e reduzir o aspecto “casa de laranja” da celulite. Não é relaxante e visa à melhora do metabolismo. É contraindicada para pessoas com micro varizes e inflamações.

Drenagem Linfática--  Visa a melhora do sistema linfático (responsável pela absorção e transporte de líquidos, gorduras e proteínas no organismo). Ajuda em problemas de retenção de líquido e reduz o inchaço ocasionado por problemas de tireoide ou ciclo menstrual. As manobras são suaves, com efeito relaxante e analgésico. É contraindicada para pessoas hipertensas ou em casos de trombose.

Ayurvédica-- A medicina indiana acredita que a massagem é parte do tratamento e deve ser indicada de acordo com os problemas de saúde e “dosha” (biótipo) da pessoa. Há diversas vertentes desta massagem. Comum a todas é o uso de óleo escolhidos conforme o objetivo do tratamento: relaxar, estimular, melhorar o metabolismo, etc. As manobras são contínuas e associadas ao sistema respiratório. Algumas podem usar os pés (do profissional) a fim de atingir musculaturas mais profundas. É contraindicada nos períodos de menstruação ou gravidez e para pessoas com inflamações, infecções ou excesso de toxinas no organismo.

Por: AgComunicado