"Manter o corpo em boa forma é dever de todos. Corpo saudável... Pensamentos Saudáveis."

Diabetes cresce sem controle em muitos países


04/11/2012 - 23:00:00 | 542

De acordo com pesquisadores americanos, os diabéticos dos Estados Unidos e de vários outros países não recebem tratamento adequado para o controle da doença. Os resultados sugerem que milhões de indivíduos com diabetes não são diagnosticados ou devidamente tratados, aumentando assim o risco de morte prematura por doença cardíaca ou complicações importantes, tais como cegueira, doença renal crônica e problemas nos pés que podem exigir amputação.  

Infelizmente, a diabetes está atingindo níveis de epidemia. Estima-se que 6,4% da população mundial esteja sofrendo da doença. Pessoas obesas têm um risco maior e os casos poderão subir rapidamente nas próximas décadas com o aumento dos níveis de obesidade.  
 
Nos Estados Unidos, aproximadamente 90% dos diabéticos adultos deixam de respeitar os níveis saudáveis de açúcar no sangue, pressão arterial e colesterol. No México, 99% dos diabéticos adultos não atingem essas metas. Na Tailândia, até 62% dos homens pesquisados não são diagnosticados ou tratados.  
 
Os Centros para Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos preveem que até um terço dos adultos americanos poderiam ter diabetes em 2050, caso a população continue ganhando peso e evitando exercícios físicos.

O que é Diabetes?

O diabetes é uma doença causada pela deficiência de produção ou de ação da insulina, com sintomas agudos e a complicações crônicas características. O distúrbio envolve o metabolismo da glicose, das gorduras e das proteínas. É um problema de saúde pública pelo grande número de pessoas que apresentam a doença.

Há diversas formas clínicas, sendo classificado em:

Diabetes Mellitus tipo I:  Causado pela destruição da célula beta do pâncreas, em geral por decorrência de doença autoimune, levando a uma deficiência absoluta de insulina.

Diabetes Mellitus tipo II:  Provocado principalmente por um estado de resistência à ação da insulina associado a uma deficiência de sua secreção.

Outras formas de Diabetes Mellitus: Quadro associado a desordens genéticas, infecções, doenças pancreáticas, uso de medicamentos, drogas ou outras doenças endócrinas.

Diabetes Gestacional: Circunstância na qual a doença é diagnosticada durante a gravidez, em paciente sem aumento prévio da glicose.

Fonte:  Agência Comunicado