"Manter o corpo em boa forma é dever de todos. Corpo saudável... Pensamentos Saudáveis."

A fitoterapia no tratamento do estresse


28/09/2015 - 23:00:00 | 793

 Conheça as plantas mais reverenciadas para o tratamento desse mal 

Quem nos dias de hoje não tem de conviver com situações de estresse? Mas há momentos em que parece que o estresse está mais intenso. Nesses casos, o que fazer? É importante relembrar que uma importante aliada para o tratamento do nervosismo e estresse é a fitoterapia.
 
O que é a fitoterapia? É um recurso que se utiliza de plantas medicinais para auxiliar na correção de desequilíbrios no organismo.
É possível se livrar de alguns problemas incômodos como: insônia, nervosismo, falta de disposição, entre outros, por meio da natureza.
 
Vale lembrar que antes da utilização de qualquer medicamento fitoterápico é importante que haja o aval de um especialista. Depois de disso é importante seguir com disciplina o tratamento para que os benefícios de fato possam ser sentidos.
 
Folhas de maracujá. São ricas em propriedades. Possuem ação sedativa natural, ajudam a acalmar, atuam contra a ansiedade, estresse, dores de cabeça, espasmo muscular, pressão alta, entre outras.
 
Flor de maracujá. A flor do maracujá concentra uma substância conhecida como passiflora que possui ação como sedativo natural. Costuma ser indicada em casos de estresse intenso que atrapalham até mesmo a noite de sono. 
 
Raiz de valeriana. Também age como sedativo natural, possui ação anti-inflamatória, ajuda a relaxar, atua contra o estresse; contra a angústia, contra a asma, entre outras ações.
 
Carqueja. O chá atua na desintoxicação do fígado, possui ação anti-inflamatória, digestiva, age na cura da ressaca, auxilia a regular os processos hormonais no organismo, entre outras ações.
 
Melissa: As folhas dessa planta também ajudam a acalmar os nervos, possuem ação anti-inflamatória, atua no tratamento de doenças emocionais como a depressão, combate dores de cabeça, entre outras ações.
 
Essas plantas podem ser manipuladas tanto em sua versão natural em forma de chás como em forma de cápsulas. Podem proporcionar excelentes resultados, e o que é melhor: sem sobrecarregar o organismo com contraindicações.