"Manter o corpo em boa forma é dever de todos. Corpo saudável... Pensamentos Saudáveis."

Medicamentos fitoterápicos em alta


03/12/2013 - 23:00:00 | 726
A cada dia mais os medicamentos fitoterápicos têm sido procurados com as mais diversas finalidades.

Mas e quanto aos resultados? Realmente são benéficos à saúde?
Pensando nisso, primeiramente resolvemos esclarecer a seguinte questão: Qual a diferença entre os medicamentos naturais e os fitoterápicos?
 
Os fitoterápicos são derivados de substâncias naturais, podem ser encontrados em forma de cápsulas, ampolas, em pó etc. e os medicamentos naturais comumente conhecidos como ‘remédios naturais’ são aqueles extraídos da natureza e utilizados em sua forma bruta, segundo os conhecimentos repassados por meio da sabedoria popular.
 
Os fitoterápicos são medicamentos amplamente utilizados e procurados, e sim, são medicamentos existentes a partir de comprovação científica, mas que necessitam como qualquer outro medicamento químico de pescrição e dosagem indicada.
 
A ação dos fitoterápicos varia de acordo com a presença do princípio ativo no medicamento, em determinadas épocas é possível extrair alguma substância de maneira mais efetiva do que em outras, portanto, a ação do medicamento pode variar.
 
Muitas pessoas podem pensar como é universalmente disseminado, que se os medicamentos naturais não fizerem bem, mal também não farão. Mas é importante que haja a conscientização de que da mesma maneira como existem contraindicações no uso de medicamentos tradicionais alopáticos, existem também contraindicações devido ao uso de medicamentos fitoterápicos.
 
Os fitoterápicos se utilizados sem prescrição e dosagem definidas podem causar intoxicação, por isso é tão importante que haja o cuidado na administração desses medicamentos à base de substâncias naturais.
 
Há no mercado diversas fórmulas naturais, principalmente com a finalidade de emagrecer. Algumas fórmulas consagradas como: Ginseng; Porangaba; Faseolamina; Tribulus Terrestris etc., e algumas em fase de consolidação como: Pomegranate (à base de romã); Alcaçuz, entre outros.
 
O importante em qualquer área da vida é encontrar o equilíbrio. Medicamentos naturais precisam ser usados com consciência e equilíbrio. Os resultados são sim comprovados cientificamente. É uma prática respeitável e merece mais atenção.