"Manter o corpo em boa forma é dever de todos. Corpo saudável... Pensamentos Saudáveis."

Sedentarismo mata tanto quanto o tabagismo


04/11/2012 - 23:00:00 | 566

Um novo estudo divulgado pela revista britânica de medicina  Lancet informou que o sedentarismo mata tanto quanto o tabagismo. A pesquisa informa que um terço dos adultos não fazem a quantidade suficiente de atividades físicas. Isso provoca em todo o mundo a morte de 5,3 milhões de pessoas por ano. Ser sedentário é uma porta de entrada para sérios problemas de saúde como diabetes, câncer e problemas cardíacos.

Os pesquisadores afirmaram que o problema do sedentarismo mundial é gravíssimo e deve ser tratado com seriedade como qualquer doença que atinge grande parte da população. Deve-se fazer campanhas que incentivem e mudem o pensamento da população geral que informe não só os benefícios de se fazer atividade física regularmente, mas que diga as graves consequências de ser sedentário.

O Brasil está entre os países que mais tem pessoas sedentárias junto com a Argentina, e República- Dominicana. Somente através de campanhas intensas e uma melhoria de espaço gratuito e seguro, para a atividade física se tornar uma prática frequente e prioritária, prevenindo assim diversas doenças.

A presidente da Faculty of Public Health, órgão responsável por criar políticas e normas de saúde pública da Grã-Bretanha, Lindsey Davies, diz que  é necessário fazer o possível para que as pessoas cuidem da saúde e façam atividade física regularmente, fazendo dela uma prática cotidiana.

De acordo com um estudo feito pela American College of  Sports Medicine, o tempo ideal de exercício físico que um adulto deve fazer é entre 250 e 300 minutos por semana para perder peso e 150 para manter o peso e uma boa disposição física. Em crianças e adolescentes obesos alguns estudos mostram que o tempo de atividade física recomendada é entre 30 e 40 minutos ao menos 3 vezes por semana.