"Manter o corpo em boa forma é dever de todos. Corpo saudável... Pensamentos Saudáveis."

Sucos industrializados são realmente mais saudáveis?


10/08/2014 - 23:00:00 | 1927

Quais os processos de industrialização até que esse produto chegue nas prateleiras?

Muitas vezes cometemos erros tolos quando optamos por uma alimentação mais saudável. Entre os vilões da saúde está o consumo dos refrigerantes, ricos em açúcares e em acidulantes, por isso quando optamos pela substituição dessa bebida prejudicial pensamos nos sucos naturais, mas dificilmente as pessoas têm tempo para prepararem o suco natural e escolhem os sucos industrializados. Essa escolha é a mais sensata?
 
A resposta é: Não! Segundo o dito popular, seria o mesmo que trocar gato por lebre, pois os sucos industrializados passam por diversos processos para que cheguem às prateleiras dos supermercados e com isso, quem perde é o consumidor e sua saúde.
 
Quer um exemplo do processo do suco industrializado?
Vamos escolher um sabor comum e muito consumido, a laranja. Vamos começar pelos sucos em pó, o alimento natural é dividido em várias partes e cada uma dessas partes sofre diversas transformações para que originem um produto novo, isso mesmo, “produto”, não se trata mais de alimento, mas de uma bebida que se assemelha em sabor ao suco natural.
 
Muitas pessoas acreditam que por conter no rótulo as seguintes informações: 100% integral, natural, orgânico ou outros termos próximos estão consumindo um alimento puro e natural, mas o tradicional suco de laranja, por exemplo, sofre diversas transformações e o que há nessas embalagens geralmente é o recomendado pela atual legislação de 30% de suco natural.
 
Ainda com o exemplo da laranja, o suco é produzido da seguinte maneira: as laranjas são colhidas principalmente entre janeiro e maio, são transportadas até a fábrica e passam pelo processo de higienização e seleção. Após esse processo são espremidas por máquinas. As cascas e polpas são separadas para aproveitamento no preparo de outros alimentos como bebidas, recheios, sucos , entre outros. Aquele suco concentrado é congelado e sofre uma mistura com outros sucos extraídos em outras épocas para originar o produto final. Ocorre os tradicionais processos de pasteurização e evaporação e esse suco pode ficar por até dois anos em conserva e segue em navios para ser exportado.
 
Por isso, quando optamos pelos sucos de caixinha natural ou até mesmo em lata, achando que estamos contribuindo em prol da saúde, estamos na verdade consumindo um produto industrializado repleto de substâncias químicas que não perde em malefícios para o refrigerante.
 
A melhor opção ainda é comprar a fruta e realizar o suco, lembrando que o consumo deve ser imediato porque vitaminas são sensíveis á luz e temperatura e se perdem rapidamente. Vale também ressaltar que a melhor maneira de hidratar o organismo é por meio do consumo da água filtrada, pelo menos dois litros ao dia.
 
Agora que você conhece mais sobre os produtos industrializados que levam a inscrição de naturais, reveja seus hábitos de consumo e ganhe em saúde e qualidade de vida.