"Manter o corpo em boa forma é dever de todos. Corpo saudável... Pensamentos Saudáveis."

Timidez excessiva? Cuidado, pode ser Fobia Social


04/11/2012 - 23:00:00 | 922

 

Você conhece ou é alguém extremamente tímido? Não gosta de falar em público, está sempre vermelho, não encara nem enfrenta ninguém e em diversas vezes já passou mal por ter que fazer algo quando alguém observava? Cuidado, pode não apenas uma simples timidez. Conheça a Fobia Social.

A Fobia Social ( ou Ansiedade Social) é como uma grande crise de ansiedade que o indivíduo sofre quando é posto em situações que está sendo observado por outras pessoas. Essa crise não acontece em todas as situações possíveis na vida do indivíduo, às vezes ocorre em situações específicas. A timidez excessiva só é considerada Fobia Social quando a pessoa é prejudicada de alguma forma devido a isso. Como não sair de casa ou abandonar o trabalho por ter sofrido alguma situação constrangedora.

Não há sintomas exclusivos da Fobia Social, eles são os mesmos de quem sofre qualquer transtorno de ansiedade. São eles: Sensação de bolo na garganta gerando dificuldade para falar, tremores, vontade de sair do loca, tontura, face ruborizada, vomitar, perda da linha de pensamento e outros.

O que é usado para diferenciar a Fobia Social de  outro transtorno é reparar quais as situação que desencadeiam esses sintomas, como falar ou escrever em público, dirigir quando alguém está olhando, comer ou beber na frente de outras pessoas, ser filmado ou fotografado. Aqueles que sofrem de Fobia Social geralmente não conseguem dizer não para um vendedor insistente ou qualquer outra pessoa que insista que ela deva fazer algo. Isso acontece geralmente por terem a autoestima baixa gerando também frustação na hora de começar um relacionamento, além de terem dificuldades para conhecer pessoas, eles acreditam que devem se relacionar com a primeira pessoa que aparece pois não conseguirão alguém melhor.

A Fobia social pode ser chamada de outros nomes também por designaram-se a diferentes condições clínicas: São elas

  • Fobia Social Específica
  • Ansiedade Social Específica;
  • Fobia Social Generalizada
  • Ansiedade Social Generalizada; 
  • Crise de Ansiedade em Situação Social; 
  • Transtornos da Ansiedade Social; 

O tratamento de Fobia Social é feito com psicoterapia e se necessário com o uso de medicamentos. Um novo tratamento está sendo testado por pesquisadores do Instituto de Psicoterapia da USP. Nele o paciente enfrentar situações que o deixam desconfortável e que são reproduzidas em 3D através de um programa de computador.

Não pense que qualquer sintoma de timidez pode ser considerado Fobia Social, até mesmo porque é normal nos sentimos desconfortáveis em algumas situações.