"Manter o corpo em boa forma é dever de todos. Corpo saudável... Pensamentos Saudáveis."

Aprenda a tratar a labirintite com soluções naturais


29/03/2015 - 23:00:00 | 1053

 

Ginkgo biloba ajuda a estimular a circulação sanguínea, principal causador da doença 

 

 
A labirintite é causada por infecções, doenças neurológicas e fatores genéticos. A doença atinge a audição e funções do labirinto, estrutura interna do ouvido. Quem sofre de labirintite possui sintomas fortes quando existem crises, entre elas podemos citar: náuseas, sudoreses, alterações gastrointestinais, vertigens e tonturas.  
 
É comum a doença atingir pessoas entre 30 e 50 anos, isso explica-se devido as mudanças metabólicas decorrentes do aumento da idade, níveis mais altos do colesterol e entre os principais fatores a modificação da circulação sanguínea, alterando a quantidade de sangue que percorre do cérebro para o labirinto.  
Alguns hábitos podem amenizar a labirintite, como: 
 
  • Eliminar o cigarro 
  • Beber bastante água 
  • Evitar a ingestão de refrigerantes e bebidas ricas em açúcares, assim como cafeínadas 
  • Controle da ansiedade e estresse por meio da atividade física ou terapia 
  • Evite dirigir em momento de crise 
  • Abuse na ingestão de folhas verde-escura, frutas e legumes 
Receita natural com auxílio das ervas 
 
Uma solução ótima para aliviar a labirintite é a ingestão de chás. Prepare uma infusão contendo erva doce, cravo da índia e alecrim. Misture este ingredientes em 200 ml de água e beba alguns goles durante o dia. 
 
O Ginkgo biloba é outra alternativa natural benéfíca para quem sofre de labirintite. Esta erva é rica em nutrientes e substâncias que estimulam a circulação nas correntes sanguíneas. A ingestão é comum in natura, pó ou através de capsulas de suplementos. Se já sofre da doença converse com o seu médico para o mesmo avaliar a alternativa.