Televendas & SAC (11)4224-4550 ou (11)93802-7841

A vacinação contra o rotavírus reduziu o número de mortes e internações de crianças por diarreia no Brasil, de acordo com um estudo publicado no periódico médico "PLoS Medicine". A pesquisa indica que a campanha de vacinação contra o vírus, implantada pelo Ministério da Saúde em 2006, reduziu as mortes por diarreia em crianças de até cinco anos em 22%. Também houve redução de 17% nas internações causadas pela doença no Brasil.

 
As informações foram levantadas por técnicos da Secretaria de Vigilância em Saúde e dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças, dos EUA. Foram comparados dados de mortes e internações de 2002 a 2005, antes da vacinação, às taxas de 2007 a 2009. Nesse período, foram evitadas 1.500 mortes e 130 mil internações. 
 
A maior queda nas mortes, de 38%., foi observada na região Norte. Os Estados do Norte e do Nordeste tiveram as maiores reduções de mortes em números absolutos.  
 
Em 2009, estima-se que 84% das crianças com até um ano tenham sido vacinadas no país. 
De acordo com os especialistas, a incidência de infecções causadas pelo vírus é semelhante em todas as regiões. O que muda são as consequências da doença.  

O Brasil foi o primeiro país a incluir a vacina no seu calendário nacional de imunizações, em 2006. À época, vários pediatras brasileiros foram contra a decisão. É que em 1998 havia sido licenciada a primeira vacina contra rotavírus nos Estados Unidos. Porém, ela foi suspensa um ano depois, pois aumentava a ocorrência de obstruções intestinais em crianças que receberam a vacina após os seis primeiros meses de vida.  

O estudo da PLoS Medicine justifica os esforços para superar o problema grave relacionado à vacina em 1998, comprovando que a imunização contra o rotavírus de fato diminui a mortalidade infantil.

Autor:  Agência Comunicado

Fonte:  Folha de S. Paulo

A boa postura deve ser incentivada nas crianças
Pais e escolas precisam estar atentos...
Bactérias podem estar ligadas aos problemas de obesidade
Características da flora intestinal podem estar associadas a propensão à obesidade...
Online Farma
Lorem ipsum dolor sit amet, justo aliquid reformidans ea vel, vim porro dictas et, ut elit partem invidunt vis. Saepe melius complectitur eum ea. Zril delenit vis ut. His suavitate rationibus in, tale discere ceteros eu nec. Vel ut utamur laoreet vituperata, in discere contentiones definitionem ius.
read more ⟶
Leave a comment
Note: HTML is not translated!