"Manter o corpo em boa forma é dever de todos. Corpo saudável... Pensamentos Saudáveis."

Chá de Erva-doce combate a indigestão


21/12/2015 - 23:00:00 | 471
 
 

Essa erva tão conhecida por brasileiros é utilizada há séculos para fins medicinais devido a suas conhecidas propriedades terapêuticas, que incluem sua ação expectorante, tônica, cicatrizante, calmante, diurética, sudorífica, galactagoga, antiespasmódica e antidispéptica.

Sobre a Erva-doce:

A Erva-doce (Pimpinella anisum) é uma planta medicinal, também conhecida como Anis ou Funcho, sendo muito utilizada no combate à má digestão, gases, dor de barriga ou artrite. Além de suas propriedades medicinais, a Erva-doce é uma excelente fonte de nutrientes, tais como: fibras, Vitamina A e Vitamina C e os Minerais cálcio, ferro, magnésio, potássio, zinco e fósforo.

Para que serve a Erva-doce?

A erva-doce é muito utilizada para tratar dor abdominal, indigestão, inchaço, acidez estomacal, asma, bronquite, espasmos, cólicas, dor de barriga, dor de cabeça, inflamações, tosse, gases, palpitações, inchaço, gripe, resfriado, catarro e coriza.

Outro benefício da Erva-doce é sua função diurética, que auxilia a liberação de toxinas do organismo, além de reduzir o inchaço, o que pode auxiliar o emagrecimento saudável. O consumo de Erva-doce também  favorece as funções cognitivas, reforça o sistema imunológico e melhora o sistema respiratório

Benefícios da Erva-doce:

- Combate gases e flatulências;

- Aumenta a produção de leite materno;

- Alivia e previne cólicas;

- Alivia os sintomas da TPM;

- Trata a indigestão;

- Estimula o apetite;

- Combate a tosse;

- Previne o mau hálito;

- Ajuda a melhorar a prisão de ventre.

Como consumir chá de Erva-doce?

A melhor forma de consumir o chá de Erva-doce é na forma de infusão. Coloque 1 colher de erva-doce em uma xícara e cubra com água fervente. Deixar esfriar e beba a seguir. É recomendado consumir o chá de 2 a 3 vezes ao dia após as refeições.

O consumo excessivo da Erva-doce pode causar efeitos colaterais como: náuseas, vômitos e reações alérgicas. Antes de fazer uso da Erva-doce em cápsulas consulte o seu médico. E ao persistir qualquer sintoma, informe seu médico imediatamente.