"Manter o corpo em boa forma é dever de todos. Corpo saudável... Pensamentos Saudáveis."

Driblando as cólicas de maneira natural


08/02/2016 - 23:00:00 | 458

Siga essas dicas e sinta os benefícios

Se você todo mês enfrenta as terríveis cólicas antes e durante o período menstrual, mas não quer se render aos medicamentos tradicionais, saiba que há algumas dicas que podem te ajudar a driblar as cólicas e sem o risco de contraindicações.

Quais são essas dicas?
 
Chás naturais - Sim, podem ajudar e muito no combate às cólicas e o que é melhor, ajudam a aliviar a sensação de inchaço no corpo. Vá de camomila, chá de melissa, angélica, canela, que possuem propriedades analgésicas e diuréticas.
 
Exercícios físicos - São importantes porque liberam endorfinas no organismo, o que não apenas provoca sensação de bem-estar, como atua no tratamento e prevenção da dor.
 
Bolsa de água quente - Se o incômodo das cólicas é intenso, uma bolsa de água quente pode ajudar e muito no alívio das dores. A dica é usar a bolsa e procurar descansar por pelo menos 30 minutos.
 
Ômega-3 - Esse nutriente é importante porque possui ação anti-inflamatória, além de impedir a retenção de líquidos. Vale consumir a carne de peixe grelhada, sementes oleaginosas, porção equilibrada de abacate etc.
 
Cafeína, não! - Ao menos no período menstrual, evite consumir cafeína, essa substância atua na contração dos vasos do endométrio, o que pode intensificar a dor.
 
Banana - Essa fruta é rica em vitamina B6 que estimula a produção do hormônio neurotransmissor serotonina no organismo. Ajuda a aliviar e prevenir dores, assim como previne a irritabilidade.
 
Acupuntura - Essa técnica pode ajudar até mesmo no tratamento das cólicas abdominais. Se mesmo após consulta de rotina com um ginecologista, as dores insistem em incomodar em todos os meses, vale tentar procurar na acupuntura a melhora para esse quadro.
 
Sentir cólicas intensas não é natural, como muitas pessoas podem pensar. Se for um caso de dismenorreia secundária aguda, o médico pode até mesmo sugerir uma cirurgia para a solução do problema.
 
Bem, agora que você sabe o que pode ser feito para minimizar os episódios de cólicas, coloque em prática essas dicas e ganhe em qualidade de vida.