"Manter o corpo em boa forma é dever de todos. Corpo saudável... Pensamentos Saudáveis."

Por que consumir mais castanha?


29/03/2015 - 23:00:00 | 654
 
 
 

Oleaginosa brasileira rica em substâncias que contribuem para a saúde da mente e do coração  

 

A castanha é uma oleaginosa brasileira rica em nutrientes e vitaminas importantes para saúde do coração. Fonte de selênio e gorduras primordiais para o organismo a castanha é um potente antioxidante e fitoterápico imbatível para saúde celular e de todo o corpo.  
 
Consumir castanha é sinônimo de absorção potente de selênio, vitamina E, flavonoides e substâncias  no combate a doenças de origem do envelhecimento celular, como o câncer. É sempre bom estar por dentro dos alimentos e suas propriedades curativas, não é mesmo? Graças aos estudos e pesquisas constantes, eis mais uma divina obra da natureza no combate às enfermidades. Vamos conhecer os benefícios da castanha para saúde, confira: 
 
Aliada da saúde do coração 
 
O coração está entre os órgãos mais importantes do corpo humano, portanto, cuidar bem do nosso amigo é de extrema importância. Consumir castanhas pode beneficiar o seu coração, pois o alimento é fonte em antioxidantes e gorduras benéficas que agem diretamente na prevenção do colesterol ruim.  
 
Castanha é sinônimo de mente atenta 
 
Sem dúvida a castanha mostra-se eficiente na prevenção de doenças neurológicas, como apontam as pesquisas. As gorduras presentes no alimento são produtoras constantes de antioxidantes que combatem a oxidação dos neurônios. A castanha também é preventiva contra doenças degenerativas, como o Alzheimer e o  Parkinson.  
 
Combate às doenças que atingem o sistema imunológico 
 
 
Nutrientes como a vitamina E, ômega-9 e a glutationa são substâncias primordiais para formar barreiras protetoras contra agressores do sistema imunológico. Unidas a alta quantidade de selênio presente na castanha, estes nutrientes previnem a presença de bactérias causadoras de enfermidades.  
 
Como consumir a castanha? 
 
 
A castanha deve ser ingerida com moderação devido a alta quantidade de óleos que o alimento possui, mesmo sendo considerados benéficos para saúde, o excesso não é recomendado. O ideal é comer uma pequena porção ao dia, de duas a três unidades. Existe também a suplementação com nutrientes da castanha, neste caso é indicado a consulta médica para indicação nutricional de acordo com o organismo.